Compartilhe:

Valorizaçao imobiliaria supera a inflaçao em 2013



05/02/2014


Valorização imobiliária supera a inflação em 2013

Pesquisa do Creci aponta alta do mercado imobiliário. Previsão para este ano é de estabilização 

Estudo realizado pelo Departamento de Prospecção e Análise do Creci de Goiás (CRECI-GO) aponta que Goiânia apresentou em 2013 uma valorização de 9,61%, percentual superior a inflação no mesmo período, de 5,91%. Também superior aos demais índices do mercado imobiliário, como INCC (8,09%), CUB-GO (6,93), IGPM (5,53%), e a poupança (6,57%). Enquanto na capital a valorização foi quase o dobro da inflação, em Aparecida de Goiânia, o crescimento foi de 7,63%.

Embora o mercado imobiliário goiano tenha tido valorização no ano passado, é possível perceber uma desaceleração no crescimento do preço dos imóveis. Nos últimos cinco anos, a valorização anual alcançou uma média de 12,98% , sendo que em 2012, o valor chegou a 18,86%. "Tivemos em 2012 uma valorização atípica com a diversificação dos empreendimentos lançados, o que se observa e prevê para este ano é uma estabilização nos preços dos imóveis", comenta o presidente do Creci de Goiás, Oscar Hugo Monteiro Guimarães.

O presidente explica que a desaceleração ocorrida não é sinal de desvalorização do mercado e muito menos indício de uma crise imobiliária. É na verdade, um movimento natural do mercado, de acomodação, após o boom imobiliário proporcionado pelo aumento do crédito. Para ele, o imóvel continua sendo uma boa opção de investimento, apesar do momento ser mais benéfico para o comprador. "Quem procura um imóvel este ano poderá encontrar opções mais condizentes com suas finanças", ressalta.

Mais dados da pesquisa

Segundo a pesquisa, Goiânia fechou o ano com o metro quadrado a uma média R$ 4.298,14, sendo os empreendimentos de cinco quartos os mais valorizados, a R$ 7.286 , seguido dos de quatro quartos (R$ 5.691), um quarto (R$ 4.734), três quartos (R$ 4.027) e dois quartos (R$ 3.618).

Já em Aparecida de Goiânia, a média do metro quadrado em 2013 foi de R$  2.539,92, com os lançamentos de três quartos sendo os mais valorizados, a R$ 2.675, seguido do de dois quartos (R$ 2.532) e um quarto (R$ 1.927). Clique aqui e confira a pesquisa. 

Assessoria de comunicação do Creci de Goiás 

 

 




Novo Parcelamento de Impostos Federais
As conversas avançam sobre novo parcelamento de débitos com a Sefaz Goiás
Justiça Federal condena funcionários e patrões por simularem demissão sem justa causa
Novo parcelamento de Impostos no Estado de Goiás
Termina Hoje Prazo para Aderir ao Simples



Estas informações não fornecem base para a Tomada de Decisão, elas apenas ilustram nosso trabalho. Para a obtenção de: Aconselhamento, Assessoria, Parecer ou Laudo, fale conosco.

Mídia Marketing - 2014
Setor de Programação